• facebooktintas2000
  • linkedintintas2000
  • youtubetintas2000
  • youtubetintas2000

Fachadas e suas Patologias

Leave a Comment
As fachadas dos edifícios, em Portugal, têm sido espelho de diferentes tendências construtivas, ao longo das últimas décadas. A diversidade de materiais de revestimento multiplicou-se, dando origem a um panorama estético que engloba desde materiais cerâmicos, pinturas tradicionais ou impermeabilizantes, monomassas, e mais recentemente, o recurso a painéis para fachadas ventiladas. Também as texturas tiveram a sua fase, podendo observar-se de norte a sul do país, fachadas com relevos tais como a “carapinha” e o tirolês.

Principais Patologias

Apesar da diversidade de materiais de revestimento, de uma forma geral, verifica-se que o grupo de patologias genérico apresenta traços comuns a todos eles podendo enunciar-se como principais as seguintes:

Fissuração
Descasque
Aparecimento de fungos e algas
Degradação da cor
Marcas de ataque alcalino
Eflorescências e salitres

Por outro lado, a eficaz recuperação de uma fachada tem que obedecer a alguns critérios de qualidade para garantir a melhor performance e eficiência. Esta qualidade deve ser verificada tanto ao nível dos materiais utilizados mas também na execução da tarefa de reabilitação. Entre outras coisas, deve então assegurar-se o seguinte:
  • Não deve existir uma grande diferença entre a temperatura da superfície e a temperatura ambiente, evitar aplicações após longa exposição ao sol.
  • O revestimento (tinta) deve possuir impreterivelmente as seguintes características:
  • Impermeabilidade à água – protecção da alvenaria contra agressão externa.
  • Permeabilidade ao vapor de água – evita degradação da parede e do revestimento.

Esquematização-do-revestimento-ideal-pintar-a-casa
Esquematização do revestimento “ideal”

Como é expectável, uma variedade tão grande de superfícies não comungam de um mesmo tipo de reabilitação. O objectivo deste artigo é exemplificar o tipo de tratamento a executar para as situações mais comuns nas obras de reabilitação de fachadas.


Print Friendly and PDF

Pintar a casa


0 comentários:

Enviar um comentário