• facebooktintas2000
  • linkedintintas2000
  • youtubetintas2000
  • youtubetintas2000

Como Tratar a Sua Varandas

Leave a Comment

Devido a infiltrações de água provenientes da parte superior, através das juntas do cerâmico ou granito do revestimento, nas varandas as patologias mais frequentes são:

§  Aparecimento de manchas de fungos.
§  Empolamento e descasque da tinta do tecto inferior da varanda.
§  Fissuração e degradação das argamassas, por vezes, com exposição das armaduras de ferro.
§  Aparecimento de eflorescências.

Esquematização-dos-ciclos-de-absorção-evaporação-de-água-e-aparecimento-de-eflorescências-através-das-juntas-de-mosaico-pintar-a-casa
Figura IV.2 – Esquematização dos ciclos de absorção/evaporação de água e aparecimento de eflorescências através das juntas de mosaico

Esquema de impermeabilização de varanda com mosaico

Nº de Demãos
Produto
(m2/l)
Ferramentas de Aplicação
-
8 a 12
 Pincel de caiar / Pulverizador
1
Ver abaixo
Rolo / Rodo / Pincel de caiar
-
2 a 2,5 (l/m2)

Preparação da superfície

§  Lavar a superfície com água, de preferência e, se possível, com água, sob pressão. Dar especial atenção às juntas dos mosaicos de forma a remover incrustrações existentes.
§  Desinfectar a superfície com SOLUÇÃO ANTI FUNGOS Deve-se insistir na saturação do produto nas juntas do mosaico e nos contornos da varanda. Este produto deve actuar durante 24 a 48 horas antes da aplicação de outros produtos pois só desta forma é eficaz na eliminação dos fungos.

Mistura 3:2:1 (vol.) – ISOLANTE BETONILHA : Cimento : água
Rendimento: 1 L de mistura/m2  (0,5 L IB/ m2)
  • Aplicação da mistura impregnante, com pincel de caiar ou rolo, previamente bem agitada. Secagem de 6-8 horas; esta camada funciona como ponte de aderência em superfícies pouco porosas, como é o caso dos mosaicos.
  • Aplicar 1ª camada de IMPERMEABILIZANTE TERRAÇOS, com rolo, rodo ou pincel de caiar, e com auxílio de uma trincha, tapar bem os poros nos cantos e juntas. Dobrar a camada cerca de 5 cm para a parede;
  • Aplicar a rede de fibra de vidro sobre a primeira camada, esticando-a; nas uniões de rede, sobrepor cerca de 5 cm. A rede também dobra para a parede. Deixar secar 24 horas;
  • Aplicar 2ª camada, tendo o cuidado de revestir totalmente toda a superfície da rede. Deve aplicar-se espessura suficiente de forma a garantir boa elasticidade e impermeabilidade. Recomenda-se a aplicação de 2-3 mm no total. Para uniformizar a camada, passar o rolo rugo levemente sobre o produto para remover excessos.
Após a correcta impermeabilização da varanda é necessário reabilitar esteticamente as zonas exteriores, onde se manifestam as patologias causadas pelas infiltrações.

Esquema de tratamento de varanda com fissuras e eflorescências

Nº de Demãos
Produto
(m2/l)
Ferramentas de Aplicação
1
6 a 8
Rolo / Trincha
-
8 a 12
 Pincel de caiar / Pulverizador
-
Ver abaixo
Pincel de caiar
-
2 a 2,5 (l/m2)
Rolo / Trincha

Preparação da superfície

§  Lavar a superfície com água, de preferência e, se possível, com água, sob pressão. Dar especial atenção às juntas dos mosaicos de forma a remover incrustrações existentes.
§  Desinfectar a superfície com SOLUÇÃO ANTI FUNGOS. Deve-se insistir na saturação do produto nas juntas do mosaico e nos contornos da varanda. Este produto deve actuar durante 24 a 48 horas antes da aplicação de outros produtos pois só desta forma é eficaz na eliminação dos fungos.

Tratamento de fissuras

  • Picar em torno da fissura, cerca de 5 cm, até ao tijolo;
  • Aplicação da mistura impregnante, com pincel de caiar dentro da fissura de modo a preenche-la na totalidade;
  • Impregnar uma tira de rede de fibra de vidro anti-alcalina e revestir novamente com a mistura preparada (ver figura IV.3)
  • Após 12 horas de secagem, regularizar a fissura com argamassa aditivada com ISOLANTE BETONILHA, de forma a criar ancoragem na interface entre a argamassa nova e as existentes.
Tratamento-de-fissura-pintar-a-casa  
Figura IV.3 – Tratamento de fissura


*Impregnação: Mistura 3:2 (vol.) - IB : Cimento
*Aditivação de argamassa de reboco ou betonilhaAdicionar cerca de 1 litro de ISOLANTE BETONILHA por cada saco de 40 kg cimento.

Aplicação do acabamento

§  Aplicar uma demão de PRIMÁRIO PLIOMIL diluído a 5% com DILUENTE PLIOMIL. Esta diluição facilita a infiltração do primário na parede. Deixar secar 5 a 6 horas.
§  Aplicar, com rolo anti-gota, a 1ª demão de IMPERMEABILIZANTE diluído 15 a 20% com água.
§  Aplicar a 2ª e a 3ª demãos de IMPERMEABILIZANTE sem diluir. A última demão deve ser espalhada com rolo anti-gota e de seguida, passar o rolo rugo em movimentos cruzados, sendo a última passagem na vertical no sentido ascendente (baixo para cima).



Print Friendly and PDF

Pintar a casa

0 comentários:

Enviar um comentário